17 de abril de 2024

CARGAS

O site dos transportes

Same day delivery

Quais os principais desafios das entregas no mesmo dia e como a tecnologia pode ser uma aliada? A ascensão dos superaplicativos moldou um novo hábito de consumo nos últimos anos

A ascensão dos superaplicativos de same day delivery (entrega no mesmo dia) moldou um novo hábito de consumo nos últimos anos. Com isso, os clientes se acostumaram com a conveniência de poder pedir, em poucos cliques, uma refeição ou as compras de supermercado.

Além disso, o aumento expressivo das compras on-line durante a pandemia fez com que empresas de diversos setores abraçassem o desafio de entregar seus produtos com a mesma agilidade de um delivery de comida.

O fato é que essa demanda por agilidade está se tornando cada vez mais popular entre os compradores. Segundo o Mindsight, 73% das pessoas já esperam que as empresas ofereçam opções de entrega para o mesmo dia. Uma outra pesquisa, feita pelo Capterra, aponta ainda que 56% não compraria de marcas que oferecem fretes caros e com alto prazo de entrega.

Para entrar nessa corrida pela entrega mais rápida e barata, muitas empresas estão agindo às pressas e sem garantir a otimização de seus recursos. Dessa forma, as organizações até conseguem fazer com que seus produtos cheguem mais rápido até as mãos do cliente, mas comprometem – e muito – a sustentabilidade financeira do negócio.

Para as operações logísticas, esse novo modelo apresenta desafios e oportunidades. Existem muitos gargalos a serem superados e, para competir no novo cenário, os gestores precisam ser estratégicos na forma como usam a tecnologia para alcançar seus objetivos.

A boa notícia é que é possível inovar nas operações de same day delivery e, ao mesmo tempo, garantir a eficiência dos processos e a satisfação dos clientes. Para isso, a primeira análise necessária a ser feita é dos desafios para, então, entender como superá-los.

Quais são os principais desafios na área?

Gargalos nos processos resultam em operações ineficientes, baixa produtividade e, consequentemente, lucros menores. E quando se trata do same day delivery, as perdas podem ser ainda mais significativas pois, para entregar a agilidade que os clientes exigem, muitas operações acabam propositalmente deixando de lado a otimização de custos. Por isso, é necessário estar atento a algumas dificuldades que podem comprometer os resultados das operações e a satisfação do cliente:

Falta de escalabilidade: para oferecer entregas expressas, é preciso manter o estoque de produtos bem próximo da região atendida, ou seja, ganhar poder de escala. Isso quer dizer que, na maioria das vezes, as empresas precisam investir em vários hubs de distribuição ou dark stores. Com isso, é fundamental adotar processos e ferramentas escaláveis, que possam ser replicados nas várias filiais, já que essas operações deverão trabalhar em conjunto e garantir a padronização dos serviços.

Roteirização e despacho ineficientes: no same day delivery, a roteirização e o despacho devem ser feitos em pouquíssimo tempo, algo praticamente impossível com processos manuais. Isso porque o tempo entre a criação do pedido e a entrega é muito menor do que em uma operação logística convencional – que realiza um planejamento de rotas para o dia seguinte. Por isso, é essencial investir em automação de tarefas para que os processos logísticos sejam mais ágeis e otimizados.

Falta de flexibilidade para ajustes na rota: nesse modelo de operação, sempre que chega um novo pedido, é necessário buscar o entregador mais próximo para incluir um novo serviço na rota. Essa tarefa é praticamente impossível de ser feita manualmente e sem uma ferramenta capaz de alterar rotas já iniciadas.

Altos custos operacionais: rotas não otimizadas, má gestão dos entregadores, baixo aproveitamento dos veículos, ocorrências sem tratativas adequadas. Tudo isso pode elevar os custos operacionais e comprometer os resultados da empresa.

Por que investir em tecnologia para o same day delivery?

A automatização dos processos manuais na logística é fundamental para aumentar a eficiência, produtividade e redução de custos. Por meio dela, os processos são realizados de forma mais ágil e com maior precisão, ao mesmo tempo que as chances de erros são reduzidas. Isso significa que os negócios podem lidar com mais pedidos em menos tempo, permitindo que os esforços manuais sejam direcionados para outras áreas mais importantes e analíticas.

Além disso, as novas tecnologias, especialmente os SaaS (Software as a Service) contam com o armazenamento em nuvem, que facilita o acesso aos dados de qualquer lugar, a qualquer hora, independentemente do dispositivo que estiver usando. Ou seja, é mais segurança para os dados da operação.

Outro ponto positivo é o fato de que a maioria das ferramentas líderes de mercado possibilitam a integração entre sistemas, permitindo o compartilhamento de informações entre diferentes plataformas. Isso pode ajudar a eliminar a redundância de dados, tornar os processos de trabalho mais eficientes e reduzir os custos. Por isso, a tecnologia pode ser uma grande aliada das empresas, otimizando processos e permitindo que o trabalho humano seja direcionado para as atividades que precisem do manual.

Artigo de Caio Reina, CEO e fundador da RoutEasy