20 de abril de 2024

CARGAS

O site dos transportes

Conciliação de fretes

UX Solutions lança conciliação de fretes para mais controle sobre os contratos com as transportadoras. Inovação permite mais segurança e transparência aos pagamentos ao transportador, uma vez que as documentações são comparadas de forma automática, sem intervenção humana

 A UX Solutions, vertical de tecnologia da UX Group – empresa especializada em tecnologia inteligente para logística e transportes – anuncia o lançamento do módulo de conciliação de fretes dentro do Fusion, plataforma desenvolvida pela companhia que gerencia todas as etapas da cadeia de entregas. Com a novidade, os e-commerces terão mais visibilidade e controle sobre os valores de frete acordado com as transportadoras. “Este módulo é uma forma de garantir que esses valores sejam os mesmos que estão sendo cobrados nas faturas”, afirma Diego Lubini, CTO da UX Group.

Segundo ele, a conciliação de fretes permite mais segurança e transparência aos pagamentos ao transportador, uma vez que as documentações são comparadas de forma automática, sem intervenção humana.

“Por exemplo, sempre que houver transporte de cargas realizado entre municípios ou entre estados, o transportador precisa emitir um CTe. Já para serviços dentro do mesmo município, as empresas de transporte de cargas devem emitir Notas Fiscais de Serviços Eletrônicas (NFS-e). A diferença é que, no segundo caso, o documento é tributado pelo Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza, chamado de ISSQN”, explica Lubini. Tudo isso é calculado de forma automática pela ferramenta, com o menor risco de erro possível.

O executivo conta que cada nota emitida precisa de uma recotação. Assim que o transportador a envia, o sistema confronta para saber se o valor está de acordo com o previsto pela recotação inicial da entrega. Caso haja inconsistência, como tarifas, impostos ou peso do produto equivocado, a solução realiza o cruzamento e aponta o que precisa ser corrigido.

O CTO lembra que muitas empresas de pequeno e médio porte ainda utilizam planilhas em Excel para realizar esse tipo de cálculo, o que torna o processo demorado e passível de equívocos. “As transportadoras são parceiras extremamente estratégicas para o comércio eletrônico, enquanto os pagamentos são um tema delicado entre fornecedores. Com os cálculos automatizados, minimiza-se erros de cálculos, economiza-se tempo e ganha-se confiabilidade de ambos os lados”, ressalta ele.

Para chegar à acurácia de 100%, a ferramenta de conciliação da UX Solutions condicionou sua comercialização à solução de rastreamento. Isso porque é fundamental ter o controle das tentativas de entrega (normalmente são três previstas em contrato).

Lubini lembra ainda que é possível parametrizar tolerâncias dentro do sistema de acordo com níveis – em percentuais ou em valores absolutos. E a integração para ler documentos pode ser feita via API ou FTP.

Bruno Castilho

bruno@cargasetransportes.com.br