20 de abril de 2024

CARGAS

O site dos transportes

Implementos: leves evoluem

Segmento apresenta crescimento médio de 400 emplacamentos mensais. Total no trimestre de carroceria sobre chassis ainda registra resultado negativo, mas volume constante mês após mês pode indicar recuperação no setor. Pesados apresentam crescimento no trimestre de 5,93%

O volume de emplacamentos de implementos rodoviários no segmento leve cresce, em 2024, a razão de aproximadamente 400 produtos ao mês. “Trata-se de um indicativo que mostra que o setor pode estar entrando na mesma rota positiva á qual se encontra o segmento pesado”, estima José Carlos Spricigo, presidente da Anfir – Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários.

As vendas de produtos leves (Carroceria sobre chassi) foram de 4.196 em janeiro, 4.572 e fevereiro e 5.029 em março, totalizando 13.797 produtos. No primeiro trimestre de 2023 o desempenho do setor foi de 16.642 produtos comercializados. Isso representa resultado negativo de 17,1%.

O setor de reboques e semirreboques (pesados) apresentou crescimento no total de emplacamentos no primeiro trimestre de 5,93%. De janeiro a março deste ano, a indústria entregou ao mercado 22.129 implementos rodoviários. Em igual período do ano passado, os fabricantes comercializaram 20.890 unidades.

Mercado ajustado

As vendas de caminhões com padrão Euro V influenciaram o desempenho do mercado. “Passado o primeiro trimestre, acredito que agora a partir de abril vamos ter uma visão mais assertiva frente ao mercado de 2024”. “O desempenho no segundo trimestre deverá refletir de maneira mais realista a situação do mercado atual”, conclui Spricigo.

Bruno Castilho

bruno@cargasetransportes.com.br