27 de maio de 2024

CARGAS

O site dos transportes

MB: renovando a frota

Mercedes-Benz realiza primeira grande venda de veículos comerciais no âmbito do programa de renovação de frota do Governo Federal. 110 ônibus – 90 modelos urbanos OF 1721 foram para a Suzantur e 20 rodoviários O 500 RSD foram para a Viação Itapemirim E seis caminhões – 5 Axor e 1 Actros – foram comercializados com a Carga Pesada Engenharia e Transportes

Em evento realizado em sua fábrica de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, a Mercedes-Benz do Brasil anunciou a primeira grande venda de veículos comerciais (caminhões e ônibus) no âmbito da Medida Provisória 1175 de 2023. Este programa de renovação de frota estabelece um mecanismo de desconto, patrocinado pelo Governo Federal, para facilitar a compra de veículos mais sustentáveis por autônomos e pessoas jurídicas.

As primeiras vendas envolvem 110 ônibus, sendo 90 modelos urbanos OF 1721 para a Suzantur e 20 rodoviários O 500 RSD para a Viação Itapemirim, empresas do mesmo grupo. No segmento de caminhões, são 6 modelos extrapesados para a empresa capixaba Carga Pesada Engenharia e Transportes: 5 Axor e 1 Actros.

O evento foi realizado no Espaço Mercedes, contando com a presença de autoridades, parceiros do setor de transporte e sindicalistas. O grupo teve a oportunidade de conhecer a moderna linha de produção de chassis de ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, que utiliza conceitos e processos da Indústria 4.0, obtendo ganhos de qualidade, eficiência, produtividade e sustentabilidade.

Os visitantes foram transportados internamente na fábrica pelo ônibus elétrico eO500U, que já está sendo produzido nesta unidade da Empresa e que foi tema de uma apresentação aos participantes.

De acordo com Roberto Leoncini, vice-presidente de vendas & marketing caminhões e ônibus da Mercedes-Benz Brasil, este é um programa temporário, com prazo determinado, mas importante em vários aspectos.

“Do ponto de vista ambiental, estamos incentivando ações de descarbonização. Teremos menos veículos antigos e poluentes nas ruas, além da reciclagem e da economia circular, tão vitais ao nosso planeta”, diz o executivo.

“Do ponto de vista social, a cada renovação de frota, garantimos mais segurança a quem está sendo transportado e a todos que estão nas vias, além de promovermos melhores condições de trabalho e de conforto aos operadores e aos usuários do transporte. E por fim, mas não menos importante, o benefício econômico, porque essa medida é fundamental para reestimular as vendas de caminhões e ônibus no Brasil”, complementou Leoncini.

Ainda de acordo com o executivo da montadora alemã, estão sendo colocados em circulação 110 ônibus novos e tirando das ruas 110 veículos velhos, com mais de 20 anos de fabricação.

“Ou seja, as estradas brasileiras e também as cidades do Grande ABC vão ganhar veículos zero km. São modelos Mercedes-Benz BlueTec 6, que atendem ao Proconve P8 (Euro 6), que consomem menos combustível, emitem menos poluentes e são muito mais seguros e eficientes. Esperamos que a medida provisória seja uma ponte até chegarmos a um cenário econômico melhor, com juros mais baixos, crédito mais acessível e um PIB mais otimista. Como empresa presente há 67 anos no país, acreditamos no potencial do Brasil e esperamos que esta iniciativa do Governo Federal seja o início para um programa de renovação de frota veicular permanente, com duração de longo prazo. Do lado Mercedes-Benz, vamos aproveitar todas as oportunidades para ajudar a construir um Brasil com transporte renovado, mais limpo, tecnológico e seguro para todos, ouvindo as estradas e levando soluções. Pensando no coletivo e pensando no futuro”.

Walter Barbosa, diretor de vendas e marketing ônibus da Mercedes-Benz relatou  que a montadora, como líder destacado e histórico nas vendas de ônibus no Brasil, tanto do segmento urbano quanto rodoviário, sempre apóia as iniciativas de renovação de frota. “Estamos ao lado dos clientes para oferecer as melhores soluções, com o portfólio mais completo, atendimento especializado a clientes do setor e serviços dedicados. Ônibus novos para a população do ABC Paulista, como para todas as cidades, resultam em benefícios ambientais, de mobilidade e de qualidade de vida no transporte”, destacou.

Conforme James Bellini, presidente do conselho de administração da Marcopolo, a visão da empresa é ser protagonista em soluções de mobilidade de forma sustentável. “Estar junto da Suzantur, da Itapemirim e da Mercedes-Benz nessa venda tem tudo a ver como o posicionamento da nossa empresa. Apoiamos a Medida Provisória 1175 do Governo Federal e todas as iniciativas que incentivem a renovação de frota no Brasil, reconhecendo os ganhos para o desenvolvimento do transporte de passageiros, o meio ambiente e a sociedade como um todo”.

Já Claudinei Brogliato, diretor da Suzantur, nova empresa do Grupo Itapemirim, declarou que essa renovação de frota, com aquisição de 110 ônibus Mercedes-Benz zero km por meio da Medida Provisória 1175 do Governo Federal, está relacionada ao compromisso da empresa de oferecer, a cada dia, uma melhor prestação de serviços aos usuários dos nossos ônibus no ABC Paulista.

“Além de mais conforto e segurança para a população, ganhamos com a redução na emissão de poluentes e com maior eficiência em custos operacionais, visando a rentabilidade dos nossos negócios”. complementa.

Bruno Castilho

bruno@cargasetransportes.com.br