25 de junho de 2024

CARGAS

O site dos transportes

Log-In: receita recorde

Log-In Logística Intermodal registra recorde anual com receita superior a R 2 bilhões. Companhia alcançou ainda recorde histórico anual de EBITDA Ajustado com R 597 milhões

A Log-In Logística Intermodal, empresa de soluções logísticas, movimentação portuária e navegação de cabotagem e longo curso, divulgou os resultados financeiros e operacionais referentes ao quarto trimestre (4T22), bem como aos 12 meses (12M22) de 2022. Dentre os destaques do ano estão os recordes históricos anuais de Receita Operacional Liquida (ROL) e de EBITDA Ajustado, bem como as aquisições da Tecmar Transportes e da Oliva Pinto.

Com relação à ROL anual, a companhia apresentou uma alta de 48%, registrando R$ 2,06 bilhões, frente ao R$ 1,39 bilhão de 2021. Quanto ao resultado do 4T22, o valor total da receita foi de R$ 547,5 milhões, um avanço de 41,1% se comparado aos R$ 387,9 milhões do quarto trimestre do ano anterior.

A alta da ROL do 4T22 foi determinada, sobretudo, pela inclusão da ROL da Tecmar Transportes, pelos recordes de receita para um quarto trimestre do Terminal Portuário de Vila Velha (TVV) e da Navegação, com destaque para os trades Cabotagem e Mercosul.

O EBITDA ajustado também foi relevante neste trimestre, apresentando um crescimento de 65,9%, passando de R$ 99,2 milhões no quarto trimestre de 2021, para R$ 164,5 no 4T22. Quanto aos dados anuais, o EBITDA Ajustado apresentou recorde histórico, com um montante de R$ 597 milhões, o que representa um aumento de 63,3% se comparado aos R$ 365,6 milhões em 2021.

 Além destes resultados, o ano de 2022 da Log-In foi marcado pelas aquisições das empresas Tecmar Transportes e Grupo Oliva Pinto, a recertificação pela Great Place to Work Brasil como ótimo lugar para se trabalhar, a conquista do segundo lugar no Prêmio ANTAQ com o Programa Mulheres na Operação, o aumento do NPS (Net Promoter Score) em todos os negócios da companhia e a afirmação do rating ‘A(bra)’ pela Fitch, com perspectiva revisada para positiva.

De acordo com o CEO da Log-In Logística Intermodal, Márcio Arany, os resultados obtidos ao longo de 2022 demonstram o sucesso da estratégia de negócios adotada e a robustez das operações da companhia.

“Sem dúvidas, 2022 foi um ano marcante para a história da empresa. Registramos recordes repetidamente durante todos os trimestres, o que consolidou resultados extremamente positivos no acumulado. Além disso, as aquisições da Tecmar e, posteriormente, da Oliva Pinto demonstram o empenho em ampliar a expertise da Log-In e oferecer um portfólio de soluções logísticas cada vez mais aderentes às demandas do mercado”, comenta.

Navegação Costeira

 As operações relacionadas ao serviço de Navegação da Log-In confirmaram a resiliência dos negócios da companhia. No quarto trimestre, a ROL total deste serviço registrou um crescimento de 5,9%, alcançando a marca de R$ 327,3 milhões. No acumulado do ano, o avanço foi ainda mais expressivo, com 17,6% de aumento e um recorde histórico de aproximadamente R$ 1,28 bilhão.

Além disto, o EBITDA Ajustado do quarto trimestre de 2022 apresentou uma valorização de 28,4% se comparado ao mesmo período de 2021, passando de R$ 91,3 milhões para R$ 117,2 milhões. No acumulado do ano, o EBITDA Ajustado também registrou recorde histórico com valor de R$ 446,2 milhões, o que representa uma variação positiva de 48% com relação aos R$ 301,5 milhões de 2021. Quanto ao volume do ano, a Log-In também bateu recordes no transporte de Contêineres, com 442,0 mil TEUs, e na Cabotagem, com 157,6 mil TEUs.

A conversão de cargas do modal rodoviário, a entrada de novos clientes, a diversificação de mercado e a melhoria do nível de serviço foram os principais responsáveis pelo crescimento reportado. Além disto, entre os destaques da empresa estão os recordes históricos anuais de receita em todos os trades (Cabotagem, Feeder e Mercosul), a conclusão das docagens dos navios Log-In Jacarandá e Log-In Pantanal e um Índice de Pontualidade Rodoviária de 94,83%.

Terminal Portuário de Vila Velha (TVV)

O Terminal Portuário de Vila Velha também foi responsável por recordes. No acumulado de 2022, a ROL alcançou a marca de R$ 319,1 milhões, um crescimento de 20,1% se comparado ao ano de 2021. Já o EBITDA apresentou recorde anual de R$ 149,7 milhões, 25,6% superior aos 119,2 milhões de 2021.

Com relação aos dados do 4T22, o TVV obteve uma ROL de R$ 78,3 milhões, o que representa um avanço de 12,2%, e um EBITDA de R$ 36,6 milhões, 30% superior se comparado ao mesmo período de 2021.

Entre os principais responsáveis pelos resultados estão o incremento de operações de armazenagem e serviços acessórios, a captura de novos projetos e cargas de alto valor agregado, o reposicionamento estratégico de contêineres vazios, a operação do TVV como terminal multipropósito, modernização e expansão da capacidade do Terminal, além da diversificação do perfil das cargas e otimização na performance operacional das equipes ao longo do período.

Segundo o Diretor de Terminais da Log-In, Gustavo Paixão, os resultados obtidos comprovam a efetividade da estratégia proposta para o Terminal em 2022. “Desde o início do ano, a transformação do TVV em um terminal multipropósito e multicargas foi uma prioridade para a Log-In. Com o fechamento dos resultados, pôde-se observar o acerto na tomada de decisão e vislumbrar um futuro muito positivo para os negócios do TVV”, conclui o executivo.

 Transporte Rodoviário de Cargas

 No 4T22 houve continuidade do processo de obtenção de sinergias entre a Tecmar Transportes e a Log-In, inclusive com início de novas operações das duas empresas atuando de forma conjunta. No período, o EBITDA Ajustado da Tecmar apresentou um crescimento de 83% se comparado ao 3T22. Já a ROL, do quarto trimestre, registrou um valor de R$ 128,7 milhões, crescimento de 5,5% se comparado ao trimestre anterior.

 Além disto, o principal destaque para o modal rodoviário foi a aquisição realizada pela Tecmar Transportes da totalidade das quotas de emissão da Oliva Pinto Logística Ltda., Oliva Pinto Locações Eirelli e Transporto Transporte Rodoviário Ltda., em dezembro de 2022.

 De acordo com Diretor da Tecmar Transportes, Maurício Alvarenga, o Grupo Oliva Pinto complementa a atuação rodoviária com a operação no norte do Brasil, região em que a Tecmar não estava presente. “A aquisição está inserida na estratégia de crescimento a longo prazo da Log-In, por meio da expansão de seu modelo intermodal, e reforça o compromisso da companhia de seguir realizando investimentos, expandindo sua operação e criando valor para seus acionistas, clientes e para a sociedade”, finaliza.

Bruno Castilho

bruno@cargasetransportes.com.br