27 de maio de 2024

CARGAS

O site dos transportes

Fenatran contribuiu com o resultado positivo do setor

Implementos se consolidam

Desempenho 2022 consolida recuperação dos negócios. Resultado é o segundo melhor da indústria de implementos rodoviários em cinco anos. Total registrado de janeiro a dezembro de 2022 foi de 154.744 unidades

O desempenho de emplacamentos de implementos rodoviários em 2022 consolidou a recuperação do setor. De janeiro a dezembro foram emplacadas 154.744 unidades, o segundo melhor resultado em cinco anos.

“Pelo segundo ano consecutivo o setor se posicionou em um patamar de negócios acima das 150 mil unidades o que indica consolidação da atividade”, explica José Carlos Spricigo, presidente da ANFIR – Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários.

Em 2021 a indústria entregou 162.674 implementos rodoviários ao mercado. “A diferença de menos de 5% de um ano para o outro é pequena demais para se considerar como queda”, diz Spricigo que completa: “em 2022 aconteceram fatores que refletiram nesse resultado e refletirão em 2023”.

Um desses fatores foi a entrada no mercado do 4º Eixo que acabou por ser opção ao bitrem conforme a necessidade dos operadores. “Por isso o menor número de produtos vendidos não significou necessariamente queda nos negócios“, explica o presidente da associação.

Outro fator foi a Fenatran. As 50 empresas do setor produtor de implementos rodoviários presentes ao evento realizaram negócios da ordem de R$ 3,5 bilhões que serão concluídos ao longo dos próximos meses. “As entregas das vendas na Fenatran começam na feira e seguem pelo ano seguinte. Isso altera positivamente o resultado de desempenho”, completa Spricigo.

Segmentos

O mercado de reboques e semirreboques encerrou 2022 com 83.143 unidades comercializadas. Em 2021 o volume foi de 90.339 produtos o que representa variação negativa de 7,97%.

No segmento de carroceria sobre chassis o resultado do ano passado se aproximou do obtido no exercício anterior. Em 2022 foram vendidos 71.601 produtos antes 72.335 unidades em 2021. Isso representa variação negativa de 1,01%.

Volume de emplacamentos ano a ano:

2022 – 154.744

2021 – 162.674

2020 – 121.879

2019 – 120.962

2018 – 90.193

Bruno Castilho

bruno@cargasetransportes.com.br