8 de dezembro de 2023

CARGAS

O site dos transportes

Frete nas redes sociais

Como cobrar frete nas vendas em redes sociais? De acordo com pesquisa, 37% dos consumidores visitam as lojas digitais em busca de ofertas pelo menos uma vez ao mês, e 23% acessam as redes toda semana para fazer compras

Segundo a pesquisa Social Commerce, realizada pela All iN | Social Miner, que une dados de consumo, tecnologia e humanização para ajudar empresas a otimizarem seus resultados, 37% dos consumidores visitam as lojas digitais em busca de ofertas pelo menos uma vez ao mês, e 23% acessam as redes toda semana para fazer compras. Como podemos observar, os dados mostram uma participação significativa desses canais no crescimento das vendas online.

Porém, apesar de ser um território fértil, elas oferecem recursos limitados para os vendedores. Um exemplo importante é a cotação de frete. Toda vez que um lead demonstra interesse em algum produto no Instagram, por exemplo, o lojista precisa paralisar o trabalho, calcular o prazo e o valor do envio e repassar as informações para a pessoa interessada.

Para quem tem um volume alto de solicitações desse tipo diariamente, ficar interrompendo as atividades para calcular o frete pode atrasar muito a rotina. Além disso, a demora em responder os consumidores gera muita insatisfação. Pensando nesses desafios e em facilitar a vida de quem vende pelas redes sociais, as plataformas de geração e cotação de fretes chegam com uma solução: link para cotação.

Isso porque ele dá a chance do próprio consumidor fazer o cálculo do envio e tem opção de mostrar interesse pelo produto. A maior vantagem é que o vendedor não precisa mais fazer a cotação de entrega toda vez que alguém entrar em contato querendo saber o valor da entrega. Para oferecer essa facilidade ao cliente, basta o lojista acessar a plataforma, preencher as informações solicitadas e compartilhar o link nas redes sociais. A partir daí, qualquer pessoa consegue calcular o frete e o lojista ainda tem a opção de escolher se quer ser notificado ou não quando alguém realizar uma cotação.

Contar com esse tipo de solução é uma boa oportunidade de sair à frente dos concorrentes e, principalmente, oferecer diversas opções aos clientes, onde eles podem escolher por preços e entregas variadas. Tenho certeza de que assim, os lojistas poderão aumentar as vendas e fidelizar novos consumidores nesse ambiente digital.

Artigo escrito por Éder Medeiros, CEO do Melhor Envio, plataforma de cotação e geração de fretes que oferece condições mais competitivas para quem vende pela internet